quinta-feira, 23 de abril de 2009

Salve Jorge!

Eu estou vestido com as roupas e as armas de Jorge
Para que meus inimigos tenham pés, não me alcancem
Para que meus inimigos tenham mãos, não me peguem, não me toquem
Para que meus inimigos tenham olhos e não me vejam
E nem mesmo um pensamento eles possam ter para me fazerem mal
Armas de fogo, meu corpo não alcançará
Facas, lanças se quebrem, sem o meu corpo tocar
Cordas, correntes se arrebentem, sem o meu corpo amarrar
Pois eu estou vestido com as roupas e as armas de Jorge


*23 de abril, dia de São Jorge.

5 comentários:

Alice disse...

salve, salve, salve!

Pree, Wonder Pree disse...

Como diz o preto véio:
Xalve fiá, xalve!

Fala garoto, fala garota. disse...

Eu levo a sério mas você disfarça
Você me diz à beça e eu nessa de horror
E me remete ao frio que vem lá do sul
Insiste em zero a zero e eu quero um a um
Sei lá o que te dá, não quer meu calor
São Jorge por favor me empresta o dragão

Andrei Fonseca disse...

Mestre!

Di disse...

Adoreeeei!

=)